quarta-feira, 16 de junho de 2010

O facebook

Eu tenho facebook.
Volta e meia gosto de lá ir e visitar as páginas de algumas pessoas.
Certo.

Agora ouvir coisas como "temos que trocar facebook" (conhecendo a pessoa há um dia e em trabalho). Trocar facebook? Então e porque não trocarmos primeiro o email, telemóvel?

Ou ouvir coisas do tipo "Agora não posso fazer...porque tenho que ir apanhar os morangos que plantei de manhã".

Ou estar na farmácia, na fila, e o farmacêutico dizer à cliente "Eu estou a precisar de tábuas e pregos lá na quinta."

Sinceramente, não compreendo o fenómeno!
Acho piada termos os amigos adicionados, dá para partilhar algumas coisas, tudo bem. Mas sou incapaz de adicionar alguém que não conheça de lado nenhum, muito menos de parar a minha vida por causa de uma quinta virtual!

8 comentários:

almighty yellowphant disse...

é a revolução do facebook! incompreensivel...

Queen of Hearts disse...

É de facto no mínimo estranho. Eu confesso que ainda experimentei (muito no início, quando me juntei ao FB) a treta da quinta, mas rapidamente me cansei. É mesmo como dizes: não posso parar a minha vida por causa de um jogo!! Não consigo entender como tanta gente o faz e trabalha ao mesmo tempo... :S

Rita G. disse...

Tenho facebook mas raramente lá vou...não acho muita piada, prefiro ler blogs!:) bj

Clara disse...

Eu não vejo nenhum mal nesses fenómenos, desde que não se entre no exagero, como o caso que relatas... eu uso o FB e tb tenho a minha quinta, no entanto, não prescindo da minha vida em função disso. Já tive experiências extraordinárias como, por exemplo, encontrar os meus coleguinhas da Primária ou pessoas que já não via há mt tempo, contudo, a minha vida está em primeiro e não prescindo dela em relação a estes espaços virtuais sociais!!! Além disso, fica mt mal à pessoa que diz que não pode trabalhar porque tem que apanhar morangos... afinal está a ser paga para trabalhar ou para brincar?!?

Agridoce disse...

Adorei a do farmacêutico lolol

Olhos Dourados disse...

LOL, podes crer, às vezes é abuso!

Leana disse...

OMG! Isso aconteceu-te mesmo?!

Mas eu estou mais como a Rita, tenho facebook mas não perco lá muito tempo...prefiro de longe o mundo blogosférico :)

Então a quantidade de gente viciada nessa quinta tem tanto de enjoativo como de absurdo!!! Rídiculo, é o que é!

BJOOO

sofia disse...

Eu não percebo nada de agricultura, mas o facebook permitiu-me reencontrar duas amigas de faculdade que não via há 15 anos.
Bj