quinta-feira, 17 de junho de 2010

Pérolas!

E quando um homem, em consulta, insiste comigo que beber álcool é que faz bem porque vem da natureza e que não se importa se os filhos (crianças) quiserem beber?

Mais, disse que conhece casos em que foi a falta de álcool que matou as pessoas porque foram para o hospital por beberem muito, não lhes deram álcool e, claro, morreram!

Às vezes penso se estarei a ouvir bem determinadas coisas. Como é possível não pensarem que o álcool que beberam toda a vida lhes fez mal e que iam morrer de qualquer forma?

Então, os filhos podem beber à vontade porque também conhece casos de pessoas formadas que beberam muito em crianças...por isso faz bem!!

Nota: Soube, mais tarde, que o sr. costuma andar alcoolizado e que, possivelmente, também estaria naquele dia.

10 comentários:

Leana disse...

Essa fez-me lembrar a minha sogra e a sua teoria acerca do cinto de segurança!

Que não usa cinto porque muita gente já morreu em acidentes, precisamente por ter o cinto posto :s

Enfim...

Eli disse...

A dita "teoria da batata" :(

Deve ser tipo alguém dizer, eu passo a estrada fora da passadeira, já conheci pessoas que foram atropeladas em passadeiras :(

Miss Kitty disse...

Bem, que situação! Na volta até era alcoólico mesmo! Que cena...

**

aprendereorganizar disse...

Só podia estar sobre o efeito de álcool...

A miuda dos saltos altos disse...

Pois, era mesmo isso que ia dizer: só pode estar alcoolizado!

Agridoce disse...

Infelizmente, ainda há quem acredite mesmo nisso. Ainda estamos muito longe de uma sociedade consciente e informada...

Olhos Dourados disse...

Sabes o que te digo, nem vale a pena dar conversa a pessoas que pensam assim.

Fios de Vida disse...

Pois, o meu irmão diz que volta e meia aparecem pessoas com essas ideias no hospital... Uma vez foi um Sr. que dizia que o normal era beber um copito todos os dias mas depois veio-se a descobrir que afinal era um garrafão!

Agenda de Mulher disse...

Há com cada um....

Miss Star Pink disse...

Dá-lhe um desconto, estava com os copos. Melhor os copos é que estavam com ele! eheheheh